Dirigente tucano defende renovação da cúpula do PSDB, sem processo fratricida

Hora da autocrítica Secretário-geral do PSDB, o deputado Marcus Pestana (MG) enviou à direção do partido documento cobrando um exame rigoroso da derrota eleitoral sofrida neste ano, quando Geraldo Alckmin terminou em quarto lugar na disputa presidencial.

Senão acaba “O PSDB precisa se transformar para sobreviver”, afirma Pestana. “Ou nos enraizamos solidamente na sociedade, construindo um partido orgânico com vida intensa, ou seremos dizimados.”

Bandeira branca O mineiro sugere a realização de um congresso nacional e a renovação da direção tucana, com uma ressalva: “Se for para desencadear um processo autofágico e fratricida, melhor não fazer”.

 

Leia mais notícias do Painel aqui.