Conselho do Ministério Público recomenda que procurador da Lava Jato evite posts políticos

Por Painel

Quem avisa… O CNMP (Conselho Nacional do Ministério Público) arquivou representação do ex-presidente Lula contra Carlos Fernando dos Santos Lima, da Lava Jato. Recomendou, porém, que o procurador não use as redes sociais para expressar posições políticas.

Prova do crime Em julho de 2017, a defesa do petista acionou o CNMP com um pedido de verificação de possível desvio funcional por parte do procurador. A representação foi baseada em textos com críticas a Lula publicados por Lima no Facebook.

Leia a íntegra do Painel aqui.