Setores da esquerda se organizam para evitar apoio de frente popular a Lula nas eleições de 2018

Por Painel
X

Ocupar e resistir Setores da Frente Brasil Popular vão trabalhar para que não haja apoio à candidatura do ex-presidente Lula. Avaliam que o aval ao petista dividiria o grupo em 2018. Ele é composto por representantes de diversos setores da esquerda, alguns críticos ao PT.

Fins e meios A ala do PT que, em nome de uma aliança em torno de Lula, defende que o apoio a Márcio França (PSB) ao governo de São Paulo sinalizou que desiste de lançar a vereadora petista Marília Arraes ao governo de Pernambuco para fechar de vez o acordo.

Da sua costela Guilherme Boulos, do MTST, disse em discurso no Congresso do PSOL que não é possível conceber uma candidatura de esquerda que admita alianças com “partidos golpistas”. Quer marcar divergência com o PT e com Lula, que já admite se aliar ao PMDB e a outras legendas que apoiaram o impeachment.

Leia  a íntegra do Painel aqui.