Planalto decide que ministérios ocupados por tucanos serão redistribuídos em março de 2018

Por Painel

Regressiva O Planalto bateu o martelo e decidiu que os ministérios do PSDB serão redistribuídos em março. Michel Temer vê principalmente na pasta das Cidades, hoje ocupada por Bruno Araújo (PSDB-PE), importante trunfo para as eleições de 2018.

Cumpra seu papel A avaliação do governo é a de que qualquer mudança agora poderia colocar em risco a aprovação de pautas para as quais o PSDB declarou apoio. Por isso, a troca de guarda será feita às vésperas do limite do prazo para que candidatos deixem cargos públicos.

Plano de batalha Em reuniões nesta quinta (26), Temer deixou claro que o xadrez eleitoral de 2018 deve entrar nas contas do governo sobre benesses aos aliados. Sem financiamento privado, recursos da máquina federal ganharão peso extra.

Leia a íntegra do Painel aqui.