Delator da J&F pede que Fachin investigue vazamento de novos aúdios de Joesley Batista

Por Painel

Dia de caça O diretor jurídico da J&F, Francisco de Assis, apresentou na sexta-feira (29) uma petição ao ministro Edson Fachin, relator da Lava Jato no STF, pedindo investigação sobre o vazamento dos áudios de conversa dele com Joesley Batista.

De onde veio Assis lembra que Fachin determinou sigilo dos áudios por configurarem conversas entre advogado e cliente e diz que é preciso “dar um basta” aos vazamentos. Na petição, ele coloca a PGR e a Polícia Federal sob suspeita.

Leia a íntegra da coluna aqui.