Senado não vai pagar diária de terceirizado que faltar por causa de greve no transporte público

Por Painel

Pelo bolso O Senado vai punir os terceirizados que faltarem ao trabalho em dias de greve de transporte público, como a que houve na segunda-feira (28). A Casa não vai pagar o dia de trabalho a quem não tiver banco de horas para cobrir a ausência.

Leia a íntegra da coluna aqui.