Por delação, advogados pediram que procuradores fossem até Curitiba para ouvir Cunha

Por Painel

Fale com ele Advogados do ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) tentaram até o último minuto convencer a PGR a fechar um acordo com o peemedebista. Num apelo final, ao serem informados na sexta (11) de que as negociações seriam encerradas, pediram que os procuradores fossem a Curitiba ouvi-lo.

Nem vem Investigadores dizem que, durante as tratativas, ficou evidente que Cunha omitiu fatos e protegeu amigos. Aliados do peemedebista apostam que ele tentará apresentar fatos novos à equipe de Raquel Dodge, que assume a PGR em setembro.

Leia a íntegra da coluna aqui.