Indicada de Temer para PGR teve apoio na eleição de equipe que investigou o mensalão

Por Painel

Pela culatra Indicada por Temer para suceder Rodrigo Janot na chefia da PGR, Raquel Dodge contou com o apoio de ala vista como a mais radical do Ministério Público.

Com quem andas? Entre seus apoiadores estão Raquel Branquinho e José Alfredo de Paula Silva. Ambos atuaram com o ex-procurador-geral Roberto Gurgel no mensalão.

Dividir para reinar Aliados do presidente, porém, comemoraram o fato de ele ter seguido à risca a estratégia de escolher rapidamente a sucessora de Janot. Com isso, dizem, “o Planalto jogou um balde de gelo na xícara de café” do procurador-geral.

Venha! O presidente pediu que emissários entrassem em contato com Raquel Dodge na noite de terça-feira (27), antes de receber oficialmente a lista tríplice da ANPR.

Leia a íntegra da coluna aqui.