Ministros vão prestar contas a Padilha sobre votos para Previdência nesta quinta

Por Painel

Os ministros que foram alçados do Congresso para o governo prestarão contas dos votos que conquistaram a favor da reforma da Previdência ao chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, nesta quinta-feira (30), informa Daniel Carvalho.

Eles foram convocados para reunião às 9h na residência oficial do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

Com os dados que receber dos ministros, Padilha começará a montar suas planilhas para tentar prever a votação que o governo terá tanto na comissão especial que trata do assunto quanto em plenário.

Outro que já está montando uma tabela de favoráveis, contrários e em dúvida é o deputado Beto Mansur (PRB-SP), amigo do presidente Michel Temer.

Tanto Padilha como Mansur fizeram o mesmo levantamento para a votação do impeachment da então presidente Dilma Rousseff na Câmara.

Ambos erraram por apenas um voto.