Telmário (PDT-RR) diz ao Planalto que votaria contra Dilma em troca de cargos ocupados por Jucá

Por Painel

Quero o meu O senador Telmário Mota (PDT-RR) foi ao Planalto nesta terça-feira (30). Disse que só votaria contra Dilma se ganhasse cargos hoje ocupados por afilhados de Romero Jucá (PMDB-RR), seu desafeto político.

Pago pra ver Aécio Neves (PSDB-MG) cruzou com Telmário no plenário. “Apostei R$ 50 que você votaria pelo impeachment. Vou perder”, provocou o tucano. “Nem tudo está perdido”, devolveu o colega, indicando que pode votar a favor de Michel Temer.

Leia mais notas aqui.