Cerveró diz que jantar com Jader e Renan foi agradecimento por propina; peemedebistas negam

Por Painel

Prato feito Em depoimento nesta segunda (1º), Nestor Cerveró detalhou o jantar que diz ter tido com Jader Barbalho e Renan Calheiros em 2006. Afirmou que o evento foi um “agradecimento” pela propina recebida de um contrato da Petrobras. Os peemedebistas negam.

Tudo meu O BC soltou circular informando que todas as nomeações agora terão passar pela Casa Civil. A medida segue determinação do Planalto, mas foi vista como intervenção desnecessária em uma instituição dominada por servidores de carreira.

Leia mais notas aqui.