Temer tenta amenizar clima com ‘centrão’, mas Planalto comemora enfraquecimento do bloco

Por Painel

Favorável Apesar de Temer ter telefonado aos líderes do centrão esclarecendo a fala de que quer “desidratar” o bloco, o Planalto está com um sorriso largo diante do enfraquecimento do grupo. Ficará mais barato governar sem a faca deles no pescoço.

A tinta acabou Sem a presidência da Câmara, o grupo perde poderes como o de pautar medidas de interesse do governo e definir relatores para temas prioritários. Os instrumentos tradicionais de cooptação do governo — emendas e cargos — voltam a ser mais efetivos.

Tô vivo O centrão sabe que perdeu poder institucional, mas não morreu. “Esse agrupamento é natural, continuará a existir, mas não quer dizer divisão na base”, garante Aguinaldo Ribeiro (PP-PB), um dos líderes do bloco.

Leia a íntegra da coluna aqui.