Cutait avisa a Temer que aceita assumir Ministério da Saúde

Por Painel

O cirurgião Raul Cutait, professor da USP e integrante da equipe do hospital Sírio-Libanês, avisou a interlocutores do vice Michel Temer que aceita assumir o Ministério da Saúde na eventual gestão do peemedebista.

Ainda é necessário que o PP, a quem cabe indicar o nome para a pasta, valide a nomeação.

Parte da bancada do partido prefere que um deputado assuma o cargo diretamente, e não que o partido encampe a indicação de um nome da área, caso de Cutait. O nome preferido entre esse grupo é o de Ricardo Barros (PR).

Presidente nacional da sigla, o senador Ciro Nogueira esteve com Cutait na semana passada em São Paulo para sondá-lo sobre a possibilidade.