Oposição vai à Justiça para impedir que Dilma vá à ONU com verba pública para criticar impeachment

Por Painel

Diante da informação de que Dilma Rousseff pretende usar um evento na ONU para denunciar um golpe no país, o Solidariedade decidiu pedir à Justiça Federal que impeça a presidente de viajar aos Estados Unidos com recursos da União para participar da cerimônia.

As ações preparadas pelo partido sustentam que, ao usar o evento para criticar o processo de impeachment que tramita no Congresso, a presidente vai tratar de um tema particular e, portanto, não poderia viajar com recursos públicos.

Dilma pretende fazer um discurso duro contra o impeachment na cerimônia de assinatura do Pacto de Paris, na ONU (Organização das Nações Unidas), na próxima sexta (22).