Governo tem pressa, mas Congresso tende a bloquear o avanço da reforma da Previdência

Por Painel

Faltaram os russos A pressa do governo para tirar do papel a reforma da Previdência esbarra, mais uma vez, no Legislativo. Apesar do trânsito de Barbosa com o Congresso, as eleições de 2016 e as discussões sobre o impeachment tendem a bloquear o avanço da medida.

Estátua! Também contribui para a lentidão a dúvida lançada por Eduardo Cunha sobre o formato das próximas eleições para o comando das comissões permanentes.

Leia a íntegra da coluna aqui.