Entidade que foi dirigida por número dois do MinC vence edital da pasta

Por Paulo Gama

Entre amigos 1 Coordenado até 2013 por João Brant, atual número dois do Ministério da Cultura, o coletivo Intervozes foi contemplado com um dos dez prêmios de R$ 100 mil oferecidos pela pasta para iniciativas que promovam a “mídia livre”.

Entre amigos 2 Esta é a terceira edição do prêmio. O coletivo já havia participado das edições anteriores, em 2009 e 2010. Brant declarou à Comissão de Ética da Presidência que é sócio da entidade, mas que está “afastado oficialmente” dela.

Outro lado Procurado, o ministério diz que Brant não teve qualquer envolvimento no processo de seleção e só soube do resultado depois da decisão. Como o secretário-executivo não é representante da instituição nem faz parte de nenhuma instância gestora, diz a pasta, não há motivos para qualquer vedação.

  • 27/11/2015 09h45 Diferentemente do informado nas notas “Entre amigos 1 e 2”, o Intervozes participou dos editais do prêmio Pontos de Mídia Livre do Ministério da Cultura em 2009 e 2010.