Temer avalia que fala foi correta e se recusa a dar explicações a Dilma

Por Painel

Deixa como está Michel Temer preferiu não explicar a Dilma Rousseff sua declaração de que é difícil que o governo resista mais três anos e meio com popularidade baixa. O vice-presidente acha que, diferentemente de quando disse que o país precisava de um “reunificador”, desta vez não houve ruído em sua fala. Em guerra com Aloizio Mercadante, o grupo do vice preferiu difundir a versão de que o titular da Casa Civil tratava de amplificar a repercussão da fala para afastar ainda mais Temer e Dilma.

Numa nice Os bombeiros da equipe de Temer diziam que a própria presidente, quando tomou conhecimento da fala na íntegra, fez chegar ao vice a avaliação de que não viu nela um ataque à sua permanência no cargo.

Vai ter… Aliados do vice preparam nova artilharia contra Mercadante na reunião da coordenação política de terça-feira.

… troco A mensagem será que Dilma não tem como reverter o quadro negativo sem interlocução confiável no Congresso, o que, dizem, é dificultado pelo petista.

Tamo junto Temer agradeceu ao ministro Edinho Silva (Secom) pela entrevista que concedeu, dizendo que a fala dele, dentro do contexto, tinha outro sentido.

Sósia? Incrédulos com a declaração, ministros palacianos chegaram a questionar na quinta-feira se o autor da frase era de fato Temer.

Vamos conversar O contato do vice com o mundo empresarial, que irritou Dilma, segue ativo: ele almoçou com Paulo Skaf, presidente da Fiesp, nesta sexta.

Abaixo-assinado O presidente do PPS, Roberto Freire, reuniu-se com Hélio Bicudo nesta sexta-feira. O deputado defende que partidos da oposição endossem o pedido de impeachment de Dilma apresentado pelo advogado.

Eu sozinho A ideia tem adesão de parte dos deputados que lançaram o movimento pró-impeachment, mas enfrenta resistência de alguns dirigentes que preferem um pedido próprio.

Sintonia Em conversas que teve depois do jantar com empresários, Joaquim Levy (Fazenda) defendeu que o governo faça uma “reengenharia do Estado”. Só isso lhe daria credibilidade para cobrar mais impostos, no futuro.

Trator 1 A ala do PSDB paulista ligada ao governador Geraldo Alckmin trabalha para derrubar o formato de prévias adotado pela direção municipal do partido para a eleição de 2016.

Trator 2 Além de reverter a cobrança de R$ 20 mil, aliados do governador querem derrubar também o prazo de 4 de outubro para inscrição dos pré-candidatos a prefeito de São Paulo.

Efeito inverso Diante do apoio de outros caciques tucanos à pré-candidatura de Andrea Matarazzo em jantar na quinta-feira, aliados do governador dizem que “todo mundo sabe que ele não funciona sob pressão”.

apode0509painell

Corujão José Serra ficou surpreso ao saber que Matarazzo tem um programa diário de rádio da meia-noite às 2h: “Fiquei com inveja, ele lançou um programa perfeito para mim. Já fui a quatro astrólogos e todos falaram que meu melhor horário é 1h45”.

É ela Nos discursos durante o jantar na quinta-feira, a avaliação geral dos tucanos foi de que Marta Suplicy, a caminho do PMDB, será a candidata mais forte na sucessão na capital em 2016, pois fez obras importantes na periferia, como os CEUs.

Famoso quem? “Haddad só tem a bicicleta. E tem aquele senhor que alardeia a defesa do consumidor. Qual o nome dele mesmo? Fez uma tese interessante sobre tarifa de ônibus”, ironizou Aloysio Nunes, se referindo a Celso Russomanno (PRB) e à proposta que o tirou do segundo turno em 2012.


TIROTEIO

Temer não falou nenhuma novidade. Apesar de não existir nenhum motivo concreto para o impeachment, não enxergo saída para ela.

DO DEPUTADO JÚLIO DELGADO (PSB-MG), sobre o vice-presidente ter dito ser difícil Dilma resistir a mais três anos de governo com baixa popularidade.


CONTRAPONTO

Há sempre uma figura oculta

Antes de Michel Temer dizer, no encontro organizado por Rosangela Lyra, ser difícil a presidente Dilma resistir a mais três anos de governo com a popularidade tão baixa, a empresária perguntou ao vice-presidente:
–Quem é a pessoa que orienta a presidente? Parece que aquele cachorro com o qual ela passeava sempre que estava com problema, morreu…
–Isso não sei! –respondeu Temer.
Mesmo com o constrangimento geral, ela continuou:
— Sabemos que ela é uma pessoa muito solitária e, sendo mulher, com esse Congresso amplamente masculino, tem mais dificuldade de ter alguém para conversar.