Kátia Abreu faz plano para Agricultura que contempla assentados

Por Vera Magalhães

Junto e misturado Enquanto o PT ainda age para tentar derrubar a indicação de Kátia Abreu para o Ministério da Agricultura, a senadora do PMDB e presidente da Confederação Nacional da Agricultura antecipou a aliados a disposição de implementar um plano que integre políticas para grandes, médios e pequenos agricultores. Pelo projeto que ela desenha para a pasta, assentados seriam tratados como microempreendedores e, assim, passariam a ser atingidos pelas políticas do ministério.

Tiro no pé O Blog da Dilma, um dos maiores portais pró-presidente, publicou no sábado um artigo criticando a nova ministra da Agricultura. “Dilma e um tiro no pé chamado Kátia Abreu” é o título.

Fica a dica No livro “Tudo ou Nada”, sobre Eike Batista, a jornalista Malu Gaspar narra um encontro de Fernando Pimentel com o empresário. Após “descer o malho” no BNDES, o então ministro do Desenvolvimento teria sugerido juntar o estaleiro cingapurense Jurong com a empresa OSX.

Animadinho No fim da reunião, Eike, já no carro, teria comentado: “Pimentel ficou tão animado que até me pediu ajuda para campanha!”. Mais tarde, o governo propôs transferir a obra do Espírito Santo para o Porto do Açu, no Rio, em benefício de Eike. O acerto não prosperou.

Ainda falta O governador eleito de Minas nega a suposta troca de favores. Segundo sua assessoria, os dois se encontraram em 2012, bem antes do período eleitoral.

Póstuma 1 Nos últimos meses, Márcio Thomaz Bastos se dedicava a constituir uma fundação que arrecadaria fundos para a Santa Casa de Cruzeiro, sua cidade natal.

Póstuma 2 A instituição abriria um fundo, com contribuições de amigos e clientes do criminalista, inclusive as empreiteiras, para custear a construção de uma UTI no hospital da cidade paulista.

Nos ares A subdelegação dos aeroportos de Cláudio, Patrocínio e Três Corações aos respectivos municípios foi realizada pelo governo de Minas em junho. A publicação só foi feita neste mês por restrições legais que impediam a publicação durante o período eleitoral.

Mão aberta O executivo Julio Camargo, da Toyo Setal, doou R$ 1,2 milhão para vários políticos em 2010 usando três empresas pelas quais recebia dinheiro de empreiteiras investigadas na Lava Jato.

Mão aberta 2 No depoimento de sua delação premiada, Camargo disse que usou as mesmas empresas —Auguri, Piemonte e Treviso— para irrigar o esquema de propinas da Petrobras.

Inovação Parte da bancada do PSDB na Assembleia Legislativa defende que a sigla reveja o acordo de dividir os cargos da Mesa Diretora pelo princípio da proporcionalidade. O mecanismo valeu nas eleições desde 2007.

Gelatinosa Se prosperar, a manobra preocupa o Palácio dos Bandeirantes, que prevê base mais instável caso não haja acordo na eleição.

apode2411paiinel (1)

Amigo secreto Diante de campanha interna de ao menos quatro deputados do PSDB pela presidência da Assembleia, o governo propôs um cessar-fogo e sugeriu um encontro de confraternização da bancada. Resultado: dos 22 deputados, apenas sete foram ao evento.

Infiltrado Tucanos de São Paulo identificaram movimento de Aécio Neves para tentar promover o deputado Carlos Sampaio (SP) à liderança da bancada na Câmara. Acham que, como o deputado é paulista, o grupo não teria como vetar sua escolha.


TIROTEIO

No primeiro governo, Dilma não fez nada pela reforma agrária, e agora sua esquerda é a Kátia Abreu. O MST nem se incomoda…

DE BETO ALBUQUERQUE, líder do PSB na Câmara, sobre a indicada da presidente para assumir o Ministério da Agricultura.


CONTRAPONTO

O presidente da Comissão Mista de Orçamento, Devanir Ribeiro (PT-SP), se atrapalhou na votação do projeto de lei que desobriga o governo a fechar o ano com superavit primário, na quarta passada. Ele achou que bastava maioria simples, e não absoluta, para a vitória. A sessão acabou sem que aliados chegassem a tempo para votar.

—Tinha um deputado no banheiro, com dor de barriga, e outro que foi pegar um sanduíche na lanchonete —disse, depois da sessão frustrada, Eduardo Cunha.

O líder do PMDB na Câmara avisou a colegas que vai instalar um rodízio para ir ao banheiro na sessão de hoje.