Suplicy pede que YouTube retire do ar vídeo que o associa a Dirceu

Por BERNARDO MELLO FRANCO

A campanha de Eduardo Suplicy (PT) pediu ao YouTube que tire da rede um vídeo apócrifo com ataques ao senador. A peça imita o programa do petista e diz que ele defendeu condenados do mensalão e “deu dinheiro para a turma do Zé Dirceu”.

A equipe de Suplicy diz estar certa de que um comitê adversário contratou produtora de vídeo para produzir a peça. “É coisa de profissional”, afirma o marqueteiro Chico Malfitani.

O petista disputa a reeleição ao Senado. No último Datafolha, apareceu com 30% das intenções de voto, em empate técnico com José Serra (PSDB), que tem 33%. O ex-prefeito Gilberto Kassab (PSD) tem 7%.