PEN comunica ao PSDB apoio à candidatura de Aécio

Por Bruno Boghossian

O presidente do PEN, Adilson Barroso, comunicou a dirigentes do PSDB nesta segunda-feira (30), que o partido vai apoiar a candidatura de Aécio Neves à Presidência da República.

O PEN cogitava lançar ao Palácio do Planalto a ex-diretora da Anac Denise Abreu ou o empresário Ricardo Bertolino, mas desistiu para se juntar à coligação liderada pelo PSDB.

Com isso, chega a nove o número de partidos da aliança de Aécio. Além de PSDB e PEN, farão parte do grupo DEM, Solidariedade, PTB, PMN, PT do B, PTC e PTN.

O PEN é um partido nanico, sem representantes na Câmara dos Deputados e, portanto, não agrega tempo à candidatura de Aécio na TV. A desistência do partido ds lançar uma chapa própria, porém, levará à redistribuição da fatia de tempo que é dividida igualmente entre todos os candidatos.