Dilma irá se encontrar com profissionais do Mais Médicos

Por Painel

Olho no olho O Palácio do Planalto vai organizar um encontro entre a presidente Dilma Rousseff e médicos formados no exterior que atuam no Brasil pelo Mais Médicos. No evento planejado pelo governo, a petista deve conversar com um grupo sobre o atendimento à população e as condições de trabalho oferecidas pelo programa, com o objetivo de humanizar os profissionais contratados. A ideia é reunir os médicos durante alguma viagem oficial da presidente, a partir desta semana.

Em casa Não será surpresa se o encontro acontecer em São Paulo, onde o ex-ministro da Saúde Alexandre Padilha (PT), que implantou o programa Mais Médicos, é candidato a governador.

Termômetro O governo quer fortalecer o máximo possível a imagem do projeto, uma das principais vitrines da campanha à reeleição da petista. Nas próximas semanas, o Planalto anuncia que atingiu a marca de 14.100 profissionais, superando a promessa inicial de 13.200.

Rebeldes A queda de Dilma nas últimas pesquisas movimentou setores do PSD que defendem o recuo do apoio à reeleição da presidente. Dirigentes da sigla dizem que, como não receberam postos na reforma ministerial, não estão amarrados à petista. Gilberto Kassab silenciou o coro dos descontentes.

Campainha Além da lembrança pelos 30 anos das Diretas Já, o discurso de Aécio Neves (PSDB) hoje em Ouro Preto trará duas cobranças endereçadas ao governo petista: pedirá fortalecimento do pacto federativo e dirá que o país rechaça os escândalos em série a que tem assistido.

Exemplo Auxiliares de Dilma ironizam: enquanto Eduardo Campos (PSB) promete cortar ministérios se for eleito presidente, seu sucessor no governo pernambucano, João Lyra Neto (PSB), criou uma nova secretaria nos primeiros dias de sua gestão, a da Microempresa.

Campo minado Cinco dos seis Estados que Campos visita nesta semana têm um ponto em comum: PSB e Rede estão em atrito por divergências nas candidaturas ao governo —só há acordo no Amazonas, palco do ato da aliança que apoia o pernambucano, que inclui também o PPS.

Tolerância… O governo federal celebrou a decisão do TRF da 1ª Região de não conceder o habeas corpus ao vereador de Salvador Marco Prisco (PSDB), que liderou a greve da PM na Bahia, assim como a nota emitida pelo Ministério Público reforçando argumentos pelo pedido de sua prisão preventiva.

… zero Viu as duas ações como sinal de que as instituições partilham do entendimento de que devem ser tratados com rigor os movimentos grevistas de militares. O pedido de liberdade de Prisco foi encaminhado ao Supremo, sem análise de mérito.

Blog poder

 

Teste de DNA O arquivo de notícias distribuído pela liderança do PT no Senado confundiu o nome do deputado André Vargas (PT-PR) ao listar uma reportagem sobre seu envolvimento com o doleiro Alberto Youssef. Misturou tudo e chamou o petista de Alberto Vargas.

Alívio Técnicos da Sabesp se animaram com o relatório recente divulgado pela Organização Meteorológica Mundial, ligada à ONU, que prevê um inverno mais úmido no Sudeste brasileiro. Esperam que o fator contribua para a elevação do nível de reservatórios em São Paulo.

Holofote O calendário do Comitê Paulista da Copa conta com novo evento em 1º de maio: há a previsão de que uma partida seja disputada pelos operários que atuam nas obras do Itaquerão, no feriado do Dia do Trabalho.

TIROTEIO

“Ao torcer contra São Paulo, desejar que falte água e não apresentar propostas, Padilha desidrata ainda mais sua seca pré-campanha.”

DO DEPUTADO DUARTE NOGUEIRA, presidente do PSDB paulista, sobre peça que o PT levará à TV com críticas à gestão Alckmin pela crise hídrica no Estado.

CONTRAPONTO

Nos tempos da brilhantina

Durante abertura do Curto Circuito da Juventude, projeto do Ministério da Cultura para tratar de políticas públicas para a faixa etária, a ministra Marta Suplicy foi apresentada a cerca de 70 líderes jovens de todo o país.
Ao ouvir que um deles participava de um grupo musical, não titubeou e tentou trazê-lo para o microfone:
—Pode dar uma palhinha pra gente?
Diante do silêncio que tomou toda a plateia, a petista completou, sem graça:
—Ou será que é uma coisa muito antiga isso de pedir palhinha…?